Fórum Fantástico


Conhecidos os Nomeados para os Prémios Adamastor 2018 by Rogério Ribeiro
Outubro 12, 2018, 9:48 pm
Filed under: Fórum Fantástico 2018, Prémios Trema

Foram hoje conhecidas as obras nomeadas pelo público leitor para as várias categorias dos Prémios Adamastor do Fantástico 2018.
Assim, são estas as nomeações que agora serão alvo de votação presencial durante todo o dia de sábado e domingo de manhã, por todos os interessados que se desloquem ao evento. As nomeações são indicadas por ordem alfabética.

 

Grande Prémio Adamastor de Literatura Fantástica Portuguesa

Anjos, de Carlos Silva
Dormir com Lisboa, de Fausta Cardoso Pereira
Espada que Sangra, de Nuno Ferreira
Lovesenda, de António de Macedo
As Nuvens de Hamburgo, de Pedro Cipriano
Proxy, de vários

 

Prémio Adamastor de Literatura Fantástica Estrangeira

Coração Negro, de Naomi Novik
Fome, de Alma Katsu
Livro do Pó, de Philip Pullman
Lovestar, de Andri Snaer Magnason
Normal, de Warren Ellis
O que se vê da última fila, de Neil Gaiman
Quem Teme a Morte, de Nnedi Okorafor
Reino do Amanhã, de J.G. Ballard
Revelação do Bobo, de Robin Hobb
Semente de Bruxa, de Margaret Atwood

 

Prémio Adamastor de Ficção Fantástica em Conto

Aranha, de Pedro Cipriano
Bastet, de Mário Seabra Coelho
Coração de Pedra, de Diana Pinguicha
Crazy Equoides, de João Barreiros
Modelação ascendente, de Júlia Durand
Videri Quam Esse, de Anton Stark

 

Prémio Adamastor de Ficção Fantástica em Banda Desenhada

Cemitério dos Sonhos, de Miguel Peres
Dragomante, de Manuel Morgado e Filipe Faria
Free Lance, de Diogo Carvalho
Futuro Proibido, de Pepedelrey
Hanuram, de Ricardo Venâncio
Lugar Maldito, de André Oliveira e João Sequeira
SINtra, de Inês Garcia e Tiago Cruz

 

A todos os nomeados, os nossos parabéns!

Domingo, às 18:10, serão conhecidos os vencedores.

Anúncios


Prémios Adamastor – Regras by Rogério Ribeiro
Outubro 2, 2018, 8:21 am
Filed under: Fórum Fantástico 2018, Prémios Trema

Prémios Adamastor do Fantástico

Os Prémios Adamastor do Fantástico são organizados pelo Colectivo Trëma, pretendendo evidenciar anualmente a produção nacional no género Fantástico, em vários formatos. O processo de nomeação é aberto a todos os interessados, e a votação final e atribuição dos Prémios será feita durante o evento Fórum Fantástico.

 

Os Prémios Adamastor do Fantástico são fundados com as seguintes categorias:

 

– Grande Prémio Adamastor de Literatura Fantástica Portuguesa;

 

– Prémio Adamastor de Literatura Fantástica Estrangeira;

 

– Prémio Adamastor de Ficção Fantástica em Conto;

 

– Prémio Adamastor de Ficção Fantástica em Banda Desenhada;

 

– Prémio Personalidade Fantástica;

 

 

– Os Prémios Adamastor são atribuídos por nomeação e voto universal. Constitui excepção a distinção atribuída de Personalidade Fantástica, da responsabilidade da própria organização dos Prémios.

 

– A componente nacional dos prémios pretende distinguir obras originais em português, publicadas em Portugal, de criadores de nacionalidade portuguesa, ou estrangeiros a residir em Portugal. No caso de obras literárias em prosa de autores de nacionalidades diversas, é considerada a nacionalidade dos diferentes autores. No caso de obras de banda desenhada, é considerada a nacionalidade do(s) argumentista(s) e/ou desenhadore(s). No caso de obras digitais, publicadas em plataformas internacionais, é considerada a nacionalidade do(s) autor(es).

 

– As obras a considerar em cada categoria serão alvo de nomeação pública, através de um formulário online (para a edição 2018: https://goo.gl/forms/MZZN1rniQ3mDLTPJ3). Cada votante poderá nomear seis (6) obras em cada categoria, tendo que indicar um endereço de email válido, apenas para efeitos de controlo de votação (que pressupõe apenas um formulário preenchido por pessoa). Os endereços fornecidos serão utilizados apenas para comunicações relacionadas com os Prémios Adamastor, e não serão fornecidos a entidades terceiras. A lista de endereços será destruída após a entrega dos Prémios.

 

– À organização caberá a tarefa de verificar a elegibilidade de cada obra mencionada, e a produção da lista final de nomeados (os seis mais mencionados por categoria), a anunciar na abertura do Fórum Fantástico.

 

– A elegibilidade das obras será determinada pela data de publicação e o intervalo posterior de um (1) ano (de Setembro do ano anterior à premiação a Agosto do ano referente ao Prémio) ou dois (2) anos, contados de forma correspondente. As categorias de Grande Prémio Adamastor de Literatura Fantástica Portuguesa e Prémio Adamastor de Ficção Fantástica em Banda Desenhada, terão uma elegibilidade de dois (2) anos, tendo em conta o carácter esporádico das publicações nacionais nesta área. A título excepcional em 2018, a categoria Prémio Adamastor de Ficção Fantástica em Conto terá também esse período de elegibilidade. Nestes casos, uma obra premiada não poderá ser elegível na mesma categoria no ano seguinte. O Prémio Adamastor de Literatura Fantástica Estrangeira tem um período de elegibilidade de um ano.

 

– As categorias com a denominação “Literatura” correspondem às obras literárias de formato longo, o que inclui romances (obras literárias com mais de 30.000 palavras), romances em mosaico e colectâneas ou antologias que possam ser reconhecidas como um volume coeso, com uma narrativa comum ao longo da sua extensão. Cabe à organização a decisão final quanto aos casos de elegibilidade dúbia para estas categorias. O Prémio de Banda Desenhada destina-se também a obras em formato longo.

 

– Por “Ficção em Conto” entende-se uma obra literária com menos de 30.000 palavras (incluindo o que tradicionalmente é enquadrado tanto no conto, como na novela e noveleta).

 

– No caso especifico de antologias que sejam elegíveis como obras de formato longo, esse facto não impede que os contos seus constituintes sejam elegíveis para a categoria de formato de conto (no período correspondente à elegibilidade da categoria para contos).

 

– Por “Ficção Estrangeira” entende-se todas as obras de autores estrangeiros, não elegíveis na categoria nacional, publicados em Portugal, tenham necessitado ou não de tradução para português.

 

– O Prémio Personalidade Fantástica será da responsabilidade da organização da iniciativa. A escolha deverá ser devidamente fundamentada, aquando do seu anúncio. Pretende distinguir individualidades que pelo seu percurso se tenham distinguido como particularmente dinâmicas na criação e/ou promoção do género fantástico.

 

– Serão elegíveis obras publicadas por editoras tradicionais e edições de autor, em formato papel ou electrónico. Não serão elegíveis obras de editoras que derivem os seus lucros directamente do autor (vulgo “vanity presses”) sem uma correspondente prestação de apoio editorial. As obras produzidas por colectivos de autores serão consideradas como edições de autor. Aqui prevalecerá o entendimento da organização dos Prémios, desde que publicamente fundamentado.

 

– No processo de votação final, em urna, durante o Fórum Fantástico, podem ser indicadas até 3 obras por cada votante, por ordem de pontuação (1, 3 e 5 pontos). Em caso de empate pontual, será vencedora a que tiver obtido maior número de indicações para 5 pontos.

 

– A organização deverá pugnar por divulgar os possíveis nomeados, abrindo pelo menos um fórum de discussão para o efeito nas redes sociais.

 

– Até que a organização possa assegurar uma premiação de carácter financeiro, esta tomará a forma de um troféu e diploma. Fica igualmente autorizada a associação da premiação à obra com fins publicitários, desde que tal publicidade seja restrita ao espírito da premiação.

– O Colectivo Trëma reserva-se o direito de introduzir alterações no presente regulamento, entre edições, nomeadamente na criação ou eliminação de categorias.